06/09/2021 às 15h35

Com o objetivo de levar o empreendedorismo como fonte de ressocialização, nessa sexta-feira (03/09) a Juceb visitou a Penitenciária Lemos de Brito acompanhada por Uilma Augusta, Diretora responsável pelo projeto da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização SEAP, para capacitação e profissionalização dos re-educandos.

A iniciativa conta com o apoio do Secretário Nestor Duarte e, além de ofertar diversos cursos gratuitos que possibilitarão o desenvolvimento de novas habilidades profissionais e a geração de trabalho, renda e dignidade para os internos, a Juceb ainda os ajudará à regularizar situações de empresas que por ventura tenham sido constituídas em seus nomes, que poderão ser extintas gratuitamente, interrompendo o acúmulo de obrigações tributárias das pessoas jurídicas a eles vinculadas e dívidas com o FISCO que podem ser evitadas. A Autarquia também disponibilizará orientação para abertura de micro e pequenas empresas para aqueles indivíduos que optem pelo empreendedorismo como forma de reingresso na sociedade.

O projeto acompanha outras iniciativas que buscam a ressocialização dos re-educandos, a exemplo do projeto Laborativo/Prisional Oficina de Música 2020, que compreende aulas teóricas e práticas de percussão, idealizado para ser executado em ambiente prisional, cuja finalidade é utilizar a musicalidade afro-baiana como objeto de ressocialização prisional, como também parcerias com aulas EAD e presenciais em um projeto capitaneado por Carlinhos Brown, cujo representante Julios Wiedemann também esteve presente no PLB.

Na tarde da visita, a Presidente em exercício da Juceb pôde conhecer a fábrica de pães e a fábrica de sacos de lixo do local e recebeu a homenagem do grupo de percussão.

 

Sigam-nos no Instagram @JucebBahia